Luís Morais

Nascido em 1977, em Lisboa, com sete anos de idade recebeu as primeiras lições de violino de Helga-Marie Knava (Escola Superior de Música e Arte Dramática de Viena), após o que foi várias vezes premiado nos Concursos da Juventude Musical Portuguesa.
Entre 1994 e 2004, na Escola Superior de Música de Viena, na classe da Prof. Isidora Romanoff-Schwarzberg, tirou o curso de concertista daquele instrumento e, em Novembro de 2004, concluiu os seus estudos com classificação máxima, sendo-lhe então atribuído o grau académico de “Magister Artium”.Foi solista em inúmeros concertos, gravações e tournées e já tocou com orquestras e agrupamentos internacionais. Participou também em cursos e Master-Classes com violinistas como Ernst Kovacic, Norbert Brainin (Amadeus Quartett), Charles Castleman (Eastman School USA), entre outros. Em 1998 passou a ser concertino da Bundesländer Philharmonie Wien e primeiro violino do Quarteto Arcadia (Quarteto Anthropos na altura), formação de cordas formada em parceria com colegas seus da Escola Superior de Música de Viena. Até Julho de 2000 foi bolseiro ( Bolsa “Marquesa do Cadaval”) do Ministério da Cultura português. Luis Morais é membro dos Ensembles Wiener Bachsolisten, Donau-Philharmonie Wien, Concilium Musicum Wien e do Ensemble Neue Streicher, com o qual gravou um CD, saído a público em 2006 para comemorações do Ano Mozart. Com a pianista Ana Cosme, formou, em 2005, o Duo Vienalis, que se tem apresentado em concertos na Áustria e em Portugal, efectuando, em Dezembro de 2007, uma gravacao para a RDP (Antena 2).Luis Morais é actualmente professor das disciplinas de Violino e Música de Camara na Escola de Música "J.S.Bach" e no "Studio Allegria" em Viena.

1 comment:

Bicus said...

Viva! Está muito interessante o v/ blogue, com muita música.

Permito-me sugerir que, se possível, haja tb. acesso a uma página mais de índole pessoal - p.e., com outros interesses, ocupações, leituras, impressões, viagens, opiniões, notícias relevantes...- algo que transmita também o 'outro lado' do músico, como vê e pensa o dia-a-dia.

Já não vou esquecer as datas dos próximos concertos... Só falta saber o que irei ouvir.

Abraços e parabéns!